QR CODE – Quais as suas aplicações para os negócios

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 0 Flares ×

Em histórias de magia, inúmeras vezes são citados os “portais”, que através de chaves ou objetos, transportam pessoas instantaneamente para outro lugar pré-programado. Mas você acredita que esse fenômeno possa ocorrer na realidade? No mundo dos negócios, isso já é possível graças a uma tecnologia conhecida como QR Code. Aos olhos humanos, esse ícone quadrado composto por desenhos misteriosos pode parecer um enigma que, se decifrado, pode levar um potencial comprador ao universo digital.

E com o advento da mobilidade, o uso desse recurso tecnológico ganhou um novo impulso e se configura como uma potencial ferramenta de marketing para o crescimento de negócios. Diferentemente da ficção, ela leva o consumidor a explorar todas as informações e potencialidades de uma empresa através de uma experiência única e relevante, de forma rápida e rica em detalhes. A seguir, conheça o conceito do QR Code e saiba como utilizá-lo de maneira estratégica no mercado competitivo atual.

Mas o que é QR Code?

Antes de entendermos o seu conceito, vamos conhecer sua breve história. Inicialmente, essa ferramenta foi desenvolvida pela empresa japonesa Denso-Wave em 1994, com a única finalidade de identificar as peças utilizadas na indústria automobilística. Em 2003, ela começou a ser utilizada para adicionar dados à dispositivos móveis através da câmera fotográfica, tornando-se uma importante aliada do marketing digital. E segundo uma pesquisa realizada pela empresa Pitney Bowes, aproximadamente 1 bilhão de usuários usará essa tecnologia até 2016.

O QR Code, abreviação de Quick Response Code, é um tipo de código de barras bidimensional que pode ser escaneado pela grande maioria dos dispositivos móveis conectados à internet. O procedimento de leitura é muito simples, bastando apenas executar o aplicativo instalado no smartphone e posicionar a câmera de maneira que o código possa ser escaneado. Após decifrado, ele passa a ser um trecho de um link que direcionará o acesso ao conteúdo publicado no site da empresa, que pode ser uma imagem, vídeo ou texto promocional.

Quais suas aplicações na gestão empresarial?

Você sabia que o turismo em uma cidade antiga do Reino Unido é feito com o auxílio de QR Codes? Nela, monumentos históricos, pontes e prédios são equipados com códigos QR, que ligam cada uma das antiguidades a um artigo da Wikipedia. No clipe “Integral”, da banda Pet Shop Boys, são usados inúmeros códigos com links para diferentes sites. Já em Buenos Aires, na Argentina, eles foram espalhados por bancos e brinquedos, com o intuito de divulgar crianças desaparecidas e mobilizar os cidadãos da cidade em prol da causa.

Como podemos perceber, os QRs já dominaram o mundo. E com a crescente aceitação dessa novidade tecnológica pelos consumidores, muitas empresas já os utilizam em suas ações publicitárias. Uma das estratégias mais utilizadas é a impressão do código em mídias impressas, como panfletos e produtos. Geralmente, esses meios de comunicação contam com um espaço limitado, no qual não é possível explorar todas as informações de um empreendimento. Com o uso dos QRs, o consumidor pode ser direcionado para as mais variadas formas de detalhar os serviços da empresa, como um vídeo que apresenta um determinado produto ou informações e imagens adicionais do mesmo.

Como beneficiar-se dessa ferramenta?

No mercado atual, ser criativo e original é uma vantagem competitiva. Por isso, a adoção de uma ferramenta que aguça a curiosidade humana é essencial para estreitar a relação entre a organização e o cliente. Isso acaba criando um engajamento, que depende de uma ação do usuário. Se este tomou a iniciativa de pegar o celular e escanear um código, então ele deve ser recompensado de alguma forma. Algumas empresas fazem isso oferecendo conteúdo exclusivo e gratuito para o consumidor, além de promoverem campanhas promocionais, ofertas relâmpago e até descontos exclusivos. Mas para garantir que sua implementação seja um sucesso, é necessário saber explorá-lo corretamente. As formas de utilizá-lo são as mais variadas possíveis, e cada empresa deve atentar-se ao seu uso correto e estratégico.

Você já se sentiu atraído por este enigma chamado QR Code? Já o aplicou em algumas das suas estratégias de negócio? Compartilhe suas experiências conosco nos comentários abaixo!