Ponto de Pedido – Como programar suas compras e tranqüilizar o estoque

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 0 Flares ×

Ponto de Pedido

Para as pequenas empresas, o estoque pode ser tornar um problema quando aumenta a demanda dos produtos.

Muitos empresários utilizam do conceito do Estoque Mínimo (saiba mais sobre estoque mínimo nesse artigo) para isso, mas isso pode ocasionar alguns problemas, como a falta do estoque, caso haja uma demanda excepcional.

Ponto de Pedido - Risco de Ruptura

Para não correr o risco de chegar ao ponto de ruptura do estoque, os empresários podem optar por um conceito conhecido na gestão de estoques.

Ponto de Pedido

Como o próprio nome já revela, o conceito de ponto de pedido nada mais é que o momento que o empresário poderá fazer novo pedido de compra dos produtos.

Para formar o ponto de pedido, é necessário conhecer um pouco o fornecedor, pois é nas informações dele que será gerado o coeficiente do ponto de pedido.

Pontos que devem ser levados em consideração para formatar o ponto de pedido:

Pedido de Compra

Emissão do Pedido de Compra

Pode até passar despercebido, mas é importante quantificar o tempo de emitir o pedido para o fornecedor.

Nesse processo ainda pode haver os tempos de cotação de diversos fornecedores.

Embalagens

Preparação do Pedido de Compra

Tempo que o fornecedor leva para preparar o produto e deixá-lo disponível para fazer a entrega.

Na maioria dos casos o fornecedor irá comprar a mercadoria da fabricante, mas em alguns casos onde a mercadoria é um produto manipulado, o fornecedor necessitará de um tempo para a produção e expedição.

transportadoras

Transporte das Mercadorias

Tempo para o transporte da mercadoria do fornecedor até a empresa.

Esse é o processo que mais perdesse tempo, que é o despacho da mercadoria do fornecedor até a empresa. Algumas mercadorias podem ser de rápida entrega, mas outras podem durar meses, geralmente ligadas com importação.

Ao conhecer essas variáveis será mais fácil construir um ponto de pedido mais próximo da realidade.

>> Clique aqui para baixar uma planilha de controle de estoque 100% gratuito <<

Calculando o Ponto de Pedido

Para ajudar a inserir o ponto de pedido nas mercadorias, basta colocar em prática uma formula conhecida pela prática de gestão do estoque.

PP = C * TR + Emn

PP = Ponto de Pedido
C = Média de Consumo das Mercadorias por dia
TR = Tempo de Reposição por dia
Emn = Estoque mínimo.

Em outras palavras, Ponto de Pedido, é igual a média de Consumo das Mercadorias ( C ), multiplicado pela quantidade de dias que aguardaremos para a reposição( TR ), mais o Estoque Mínimo.

É importante somar o estoque mínimo ao ponto de pedido para saber que, quando o estoque de determinada peça ter o saldo de x unidades, será necessário iniciar o processo de pedido de compras.

Ponto de Pedido

Exemplo:

Para uma empresa que possui um determinado produto que comercializa em média 50 unidades por mês e seu fornecedor demora 5 dias para entregar, como poderemos calcular o ponto de pedido ?

PP = C (dia) * TR (dia) + Emn
PP = 1,66 * 5 + 50
PP = 58,3 – Média 59 Unidades.

Dessa maneira, é possível manter o estoque mínimo em dia e evitar a ruptura do estoque.

Quer saber mais sobre o estoque? Assine nossa newsletter que enviaremos para vocês matérias sobre como gerir seu estoque.