Caixa: Como o controle pode ajudar sua empresa

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 0 Flares ×

Você saberia responder como está o fluxo de caixa da sua empresa? Ou até mesmo, se este fluxo esta dando um retorno positivo para você? Se você não sabe responder a essas perguntas precisa prestar mais atenção nisso.

Mesmo que sua empresa não seja grande, é muito importante você manter o controle do fluxo de caixa, para que você saiba exatamente como esta sendo diariamente a movimentação.    

O que é fluxo de caixa

Definitivamente o fluxo de caixa é a ferramenta do seu controle financeiro. É por meio dela que visualizamos todas as entradas e saídas do dinheiro do seu estabelecimento. Tendo assim uma visão completa do teu negócio.

Devido a análise que você fará do fluxo que uma empresa tem, será possível saber  quanto está gastando ou ganhando em cada uma das áreas de atuação.

Fazer esse acompanhamento de uma forma eficaz das suas receitas é a melhor maneira de você entender o que funciona. Além de saber o que não está com bom funcionamento no seu empreendimento.

Além do mais, por meio de uma análise de faturamento ficará mais fácil traçar metas e fazer as previsões para o seus meses seguintes. Avaliação essa que não pode ser tratada de maneira secundária na sua empresa.

A importância do fluxo de caixa ser feito

Você já deve ter percebido a importância do fluxo de caixa e que também é uma parte essencial da vida da sua empresa. Independente se for grandes ou pequenas. Então esse controle pode se tornar ainda mais essencial.

A importância para pequenas empresas

Muitos empreendedores quando iniciam suas empresas, pensam tanto em outros fatores que acabam se esquecendo de fazer o mais importante desde o inicio, o fluxo de caixa.

Fazer o controle do seu fluxo de caixa é algo que não pode ser deixado para depois, porque nele você entenderá como esta o seu negócio, se positivo, manter, mas se negativo, de imediato modificar o método.

Tipos de fluxo de caixa

O importante não é somente saber a funcionalidade do fluxo de caixa. Mas também saber as diferenças de fluxo de caixa é importante pra você entender a sua totalidade.

Fluxo de caixa operacional

O fluxo de caixa operacional compreende um fluxo que é gerado pelas receitas e despesas da sua empresa durante um determinado período.

As movimentações servem para indicar quais foram os resultados obtidos e qual foi à variação da sua capital de giro. Isso significa que, o volume disponível em seu caixa para operacionalização do seu negócio.

Você deve considerar essa metodologia como a mais simples porque o fluxo de caixa operacional. Apesar de mostrar o faturamento da sua empresa, ele não contabiliza os seus investimentos ou a necessidade que você tenha de obter mais capital de giro.

Isso quer dizer que, trata-se de um método mais simplificado da sua compreensão de fluxo de caixa. Porém não é tão indicado em quem busca um nível maior de detalhamento.

fluxo de caixa

Fluxo de caixa livre

Este tipo de fluxo é a opção mais indicada para você que precisa mensurar a capacidade que o seu negócio tem de jurar gerar capital em curto médio e longo prazo.

É possível graças à indicação do seu saldo com a comparação com fluxo operacional, dessa maneira. É um modelo de relatório um pouco mais complicado e que requer informações mais claras para sua confecção.

Fluxo de caixa detalhado

Quando você precisa obter uma estimativa da evolução do seu negócio é possível lançar mão do chamado fluxo projetado. Ele calcula com base nos resultados obtidos nos meses anteriores a partir disso, você traça uma linha de projeção de qual se especula quais serão as suas despesas e as receitas em um determinado período futuro.

Fluxo para investimentos

Se você deseja investir com seus lucros, esse é o fluxo de caixa ideal, mas, para isso é necessário que sua empresa esteja com um bom funcionamento.

Esse tipo de método compõe as movimentações financeiras que são realizadas para gerar resultados positivos da sua empresa.

Fluxo descontado

O fluxo de caixa descontado é válido para determinar o valor de uma empresa. Desta maneira aqui é uma fórmula de cálculo mais utilizada em processos de compra e venda de empresas no dia a dia.

 Benefícios do fluxo de caixa

Que não existem malefícios ao você praticar o fluxo de caixa em sua empresa, isso você pode ter certeza, pois além das mais variadas formas que você pode estar utilizando o fluxo em que mais se encaixa com as características da sua empresa.

Manter a organização financeira

Você terá mais organização com seu capital isso faz com que você consiga também se organizar para manter o bom funcionamento da sua empresa, além de também não atrasar os pagamentos.

Ser um bom pagador te ajuda no bom relacionamento, interno e externo fazendo com que você consiga não somente lucratividade, mas sucesso em vários segmentos.

Lucratividade

Ao falarmos de lucratividade, não é sobre ter mais, mas sim você perceber que, através de um bom fluxo de caixa, o lucro terá uma boa visibilidade. Afinal, ele possibilita que você compreenda melhor sua empresa e tudo que esta saindo e entrando.

Alerta

Saber como está indo seu negócio talvez, não seja tão simples assim. Porém ao utilizar o fluxo de caixa ele pode te alertar, de algumas variáveis que talvez não são percebidas no dia a dia e que podem então prejudicar seus negócios.

Você já percebeu que sua empresa só terá a ganhar ao utilizar o fluxo de caixa, devido sua grande variação, você pode utilizar o que mais se insere no perfil da sua empresa e também o que você deseja.

Não perca mais tempo, se você ainda não utiliza o fluxo de caixa. Pois com ele a sua empresa terão uma maior transparência de como está indo seu negócio e então você pode tomar medidas para mudar, caso os resultados não lhe agrade.