Emissão de Nota Fiscal – Como emitir Nota Fiscal em 3 Passos

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 0 Flares ×

Emissão de Nota Fiscal - Emitir Nota Fiscal

Para qualquer empresa comercializar produtos e serviços, é necessário a emissão de nota fiscal eletrônica ou outro documento fiscal de acordo com a atividade.

Caso a empresa for uma empresa que vende ou revende produtos, ela pode optar pela emissão de Nota Fiscal Eletrônica ou um Cupom Fiscal Eletrônico.

O tipo de documento fiscal que empresa deverá emitir pode ser escolhido pelo empresário e precisa condizer com o tipo de atividade da empresa, definida pelo CNAE, que é a Classificação Nacional de Atividades Econômicas.

Esse tipo de documento é transmitido para o Sefaz (Secretária da Fazenda) e baseado nele é que é calculado os impostos da Empresa.

Nosso objetivo é mostrar como uma empresa pode fazer para se credenciar e como fazer a  emissão de nota fiscal eletrônica  e/ou um cupom fiscal eletrônico.

Basicamente são 3 passos principais.

Emissão de Nota Fiscal Eletrônica em 3 Passos

1º Adquirir um certificado digital

A Nota Fiscal Eletrônica é um arquivo que contém as informações fiscais da operação comercial que a empresa emite para o SEFAZ.

Para ficar fácil de imaginar, basta saber que o arquivo da nota fiscal eletrônica, possui todas as informações que o formulário de nota fiscal antigo (de papel) possuía.

Para que o SEFAZ tenha certeza que a sua empresa está apta para emissão de nota fiscal eletrônica, a prova de fraudes, o SEFAZ exige que a nota fiscal eletrônica esteja assinada pelo certificado digital da sua empresa.

Logo, o certificado é um assinador de nota fiscal eletrônica.

Existe 2 tipos de certificado digital: Físico ou Lógico.

Emissão de Nota Fiscal - Certificado Físico - Token - A3Certificado Digital Físico (A3): Possui a segurança de você poder tirar o certificado e manter em algum lugar seguro. Sempre que for necessário emissão de nota fiscal, o certificado deve estar ligado ao computador.
Emissão de Nota Fiscal - Certificado Digital A1Certificado Digital Lógico (A1): Com o certificado digital lógico você pode instalar no servidor e utilizar de qualquer ponto de acesso ou instalar na máquina pessoal. Assim que certificado é instalado, ele permanece válido na máquina até o vencimento.

Ambos os certificados digitais possuem validades de 1 ou de 3 anos e após o período, necessita ser renovado para continuar a utilização e transmissão de nota fiscal eletrônica.

Existem várias empresas que emitem o certificado digital para sua empresa, como a CAIXA ECONÔMICA FEDERAL, CORREIOS, CERTISIGN, etc.

A que recomendamos é a CERTISIGN, pois todo o processo de cadastro da solicitação é feito pelo próprio site da CERTISIGN.

Para todas as empresa emissoras de certificado digital, será necessário levar os documentos para comprovar a autenticidade de sua empresa e comprovar que você é o proprietário.

2º Credenciamento ao SEFAZ como Emissor de Nota Fiscal Eletrônica

Além de você adquirir o certificado digital, será necessário você avisar ao SEFAZ que sua empresa deseja emissão de nota fiscal eletrônica. Para isso, você necessita acessar o portal do Secretaria da Fazenda do seu estado fazer o cadastramento da sua empresa.

No final desse texto, você terá os links da Secretária da Fazenda de cada estado.

Caso você tenha dúvidas de como fazer esse processo de credenciamento da empresa, e habilitar sua empresa para emissão de nota fiscal eletrônica, você pode ligar para o contador da sua empresa que é a pessoa mais indicada para conhecer do credenciamento.

3º Sistema Emissor de Nota Fiscal Eletrônica – EXECOM

Para finalizar o credenciamento da empresa como emissor da nota fiscal eletrônica ou cupom fiscal eletrônico, é necessário adquirir um emissor de notas fiscais eletrônicas.

Esse emissor é um programa de computador, que emite as notas fiscais eletrônicas para o SEFAZ. Basta você cadastrar as notas fiscais nesse programa, e mandar transmitir para o SEFAZ.

Caso você receba um número de protocolo de autorização da nota fiscal, é porquê sua empresa está credenciada como emissora de nota fiscal eletrônica.

Saiba Mais

Sabia mais sobre gestão empresarial assinando nossa newsletter. Enviaremos documento novo cada semana para o seu email, e caso não interessar mais, basta solicitar para remover.

Visite também nossa página de materiais gratuitos. São disponibilizados novos materiais e ferramentas toda a semana para auxiliar a gestão empresarial.

Segue os links abaixo para o site do SEFAZ de cada estado

Acre (AC):

Clique aqui para acessar o site da Secretaria da Fazenda – Acre.
Clique aqui para obter instruções de credenciamento – Acre.

Alagoas (AL):

Clique aqui para acessar o site da Secretaria da Fazenda – Alagoas.
Clique aqui para obter instruções de credenciamento – Alagoas.

Amapá (AP):

Clique aqui para acessar o site da Secretaria da Fazenda – Amapá.
Clique aqui para obter instruções de credenciamento – Amapá.

Amazonas (AM):

Clique aqui para acessar o site da Secretaria da Fazenda – Amazonas.
Clique aqui para obter instruções de credenciamento – Amazonas.

Bahia (BA):

Clique aqui para acessar o site da Secretaria da Fazenda – Bahia.
Clique aqui para obter instruções de credenciamento – Bahia.

Ceará (CE):

Clique aqui para acessar o site da Secretaria da Fazenda – Ceará.
Clique aqui para obter instruções de credenciamento – Ceará.

Distrito Federal (DF):

Clique aqui para acessar o site da Secretaria da Fazenda – Distrito Federal.
Clique aqui para obter instruções de credenciamento – Distrito Federal.

Espírito Santo (ES):

Clique aqui para acessar o site da Secretaria da Fazenda – Espírito Santo.
Clique aqui para obter instruções de credenciamento – Espírito Santo.

Goiás (GO):

Clique aqui para acessar o site da Secretaria da Fazenda – Goiás.
Clique aqui para obter instruções de credenciamento – Goiás.

Maranhão (MA):

Clique aqui para acessar o site da Secretaria da Fazenda – Maranhão.
Clique aqui para obter instruções de credenciamento – Maranhão.

Mato Grosso (MT):

Clique aqui para acessar o site da Secretaria da Fazenda – Mato Grosso.
Clique aqui para obter instruções de credenciamento – Mato Grosso.

Mato Grosso do Sul (MS):

Clique aqui para acessar o site da Secretaria da Fazenda – Mato Grosso do Sul.
Clique aqui para obter instruções de credenciamento – Mato Grosso do Sul.

Minas Gerais (MG):

Clique aqui para acessar o site da Secretaria da Fazenda – Minas Gerais.
Clique aqui para obter instruções de credenciamento – Minas Gerais.

Pará (PA):

Clique aqui para acessar o site da Secretaria da Fazenda – Pará.
Clique aqui para obter instruções de credenciamento – Pará.

Paraíba (PB):

Clique aqui para acessar o site da Secretaria da Fazenda – Paraíba.
Clique aqui para obter instruções de credenciamento – Paraíba.

Paraná (PR):

Clique aqui para acessar o site da Secretaria da Fazenda – Paraná.
Clique aqui para obter instruções de credenciamento – Paraná.

Pernambuco (PE):

Clique aqui para acessar o site da Secretaria da Fazenda – Pernambuco.
Clique aqui para obter instruções de credenciamento – Pernambuco.

Piauí (PI):

Clique aqui para acessar o site da Secretaria da Fazenda – Piauí.
Clique aqui para obter instruções de credenciamento – Piauí.

Rio de Janeiro (RJ):

Clique aqui para acessar o site da Secretaria da Fazenda – Rio de Janeiro.
Clique aqui para obter instruções de credenciamento – Rio de Janeiro.

Rio Grande do Norte (RN):

Clique aqui para acessar o site da Secretaria da Fazenda – Rio Grande do Norte.
Clique aqui para obter instruções de credenciamento – Rio Grande do Norte.

Rio Grande do Sul (RS):

Clique aqui para acessar o site da Secretaria da Fazenda – Rio Grande do Sul.
Clique aqui para obter instruções de credenciamento – Rio Grande do Sul.

Rondônia (RO):

Clique aqui para acessar o site da Secretaria da Fazenda – Rondônia.
Clique aqui para obter instruções de credenciamento – Rondônia.

Roraima (RR):

Clique aqui para acessar o site da Secretaria da Fazenda – Roraima.
Clique aqui para obter instruções de credenciamento – Roraima.

Santa Catarina (SC):

Clique aqui para acessar o site da Secretaria da Fazenda – Santa Catarina.
Clique aqui para obter instruções de credenciamento – Santa Catarina.

São Paulo (SP):

Clique aqui para acessar o site da Secretaria da Fazenda – São Paulo.
Clique aqui para obter instruções de credenciamento – São Paulo.

Sergipe (SE):

Clique aqui para acessar o site da Secretaria da Fazenda – Sergipe.
Clique aqui para obter instruções de credenciamento – Sergipe.

Tocantins (TO):

Clique aqui para acessar o site da Secretaria da Fazenda – Tocantins.
Clique aqui para obter instruções de credenciamento – Tocantins.