Boletos Bancários – Entenda e Utilize!

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 0 Flares ×

Boletos BancáriosBoleto Bancário ou simplesmente Boleto é um documento utilizado para a efetivação comercial de vendas de produtos ou de serviços prestados, largamente utilizados pelas empresas. A utilização do Boleto facilita a comercialização, fazendo com que o destinatário possa ter um prazo maior para o pagamento da mercadoria ou serviço. Através do boleto, o seu emissor pode receber do destinatário o valor referente ao serviço ou produto. O boleto foi formatado pelo CENEABAN e padronizado pela FEBRABAN para utilização em toda a rede bancária brasileira.

Esse sistema de pagamento é amplamente utilizado entre empresas, o que resulta numa média de 50 milhões de boletos de cobrança liquidados todos os meses.

O boleto representa um título de cobrança pagável até a data de vencimento em qualquer estabelecimento conveniado aos bancos, como: próprias agências, caixas eletrônicos, casas lotéricas, supermercados, internet banking etc. Após a data do vencimento, o boleto somente poderá ser pago na agencia utilizada pelo emissor do boleto, pois fica sujeito a orientação especificas do emissor, como: cobrança de taxas, juros ou mora diária pelo atraso.

Emissão de Boletos Bancários

Todas as pessoas (físicas e jurídicas) podem emitir boletos desde que possuam uma conta bancária. Para as pessoas físicas, basta entrar em contato com a agência bancária e fazer a solicitação.
As maneiras mais comuns que as agências bancárias permitem de emissão dos boletos são de registrados e não registrados.

Registrados e Não Registrados

Os boletos bancários registrados são criados pelo emissor e enviado para o banco através de um arquivo de remessa. Esses boletos são gerenciados pela instituição financeira que pode realizar serviços como protesto de títulos quando inadimplentes.
Os boletos de cobrança não registrados também são criados pelo emissor, só que não existe a necessidade de enviou para a instituição financeira. Com isso, todo o serviço de verificação e protesto fica em cargo do cliente.
Existem outras opções de tipos de boletos bancário que os bancos disponibilizam, como: Emissão pelo banco, Envio do boleto para o cliente pelo banco, protesto, etc. Esses tipos de emissão de boleto são particulares de cada banco e o gerente da conta é mais indicado para explicar sobre essas funcionalidades.

Arquivo de Retorno

O arquivo de retorno bancário serve para informar o emissor dos boletos bancário que foram pagos. Esse arquivo contém diversas informações referentes ao pagamento do boleto, como: data de pagamento, valor, juros, taxas, etc.
Geralmente a agência bancária disponibiliza uma vez por dia e nos dias que tiveram recebimento de boleto. Esse arquivo pode ser baixado em seu Internet Banking privado da empresa emissora do boleto.

Taxas cobradas pelos bancos

O banco cobra uma taxa sobre cada boleto pago pelo sacado, que varia entre R$ 1,00 a R$ 4,00, depende do banco. Se a carteira for registrada, o banco também cobra por cada boleto emitido, independente dele ter sido pago ou não. Por isso, a cobrança sem registro é a mais indicada para o uso na Internet.
O banco também leva em consideração o porte do cliente. Assim, um cliente com maior volume de movimentação bancária, tempo de conta, etc., conseguira taxas menores ou até mesmo a isenção de algumas taxas. Portanto, consulte seu banco sobre as taxas cobradas.

Sistemas Emissores de Boletos

Alguns bancos fornecem esse software mas geralmente são bem limitados em funcionalidades. Para otimização de tempo e melhor gestão de informações, você pode contar com o sistema de gestão empresarial da Execom. Esse sistema possui emissão de boletos para mais de 50 bancos, com transferência pelo arquivo de remessa e retorno.
Conheça mais sobre nosso sistema acessando o Execom – Sistema de Gestão Empresarial.